A Semana



Prefeito João Cardoso Pereira

João Cardoso Pereira nasceu em 17 de dezembro de 1894, e era filho de Benedito Pereira Vidal e Benedita Malvina Pereira Vidal.

Em 1911 diplomou-se e em 1918 já era diretor de escola de Campos Novos, inclusive, quando foi instalado o primeiro Grupo Escolar de Poá, ele foi nomeado diretor, cargo que exerceu até 1926, quando resolveu dedicar-se ao comércio.

Na década de 30 filiou-se ao Partido Democrático de Mogi das Cruzes sendo que 1933 elegeu-se presidente do partido.

Em 28 de julho de 1934 deixa o cargo de prefeito, o Dr. Tácito Carneiro da Cunha. O Dr. Tácito foi quem criou o ato nº 159 que deu o nome de Padre João à antiga Rua do Sacramento, homenageando assim o Cônego João Lourenço de Siqueira.

Em 2 de agosto de 1934 é nomeado prefeito de Mogi pelo interventor federal Armando Sales de Oliveira.

Durante seu governo a frente da prefeitura, João Cardoso Pereira assinou o decreto 6.943 que criou o primeiro Ginásio Estadual de Mogi das Cruzes.

Até aquela época, o aniversário da cidade era comemorado no dia 3 de setembro. Em 1932 o contador e professor Emílio Augusto Ferreira tinha achado no porão da prefeitura, uma cópia autêntica do Foral, documento de elevação de Mogi a vila, mandado fazer em 1748, nesse documento, há provas de que Mogi foi fundado por Gaspar Vaz e não Bráz Cubas, como até então se pensava, e o povoado foi elevado a vila em 1 de setembro de 1611.

Prevendo um novo marco na história da cidade, o prefeito João Cardoso Pereira iniciou uma reforma no Largo da Matriz com um novo calçamento, nova jardinagem e a construção de um obelisco comemorativo.

Em 31 de agosto de 1935 foi assinado o Ato nº 217 que declara feriado municipal o dia 1ª de setembro em homenagem ao aniversário da cidade.

João Cardoso Pereira foi eleito prefeito mais uma vez, permanecendo no cargo até 1938,

Em 1950 deixou definitivamente a política voltando ao comércio.

Faleceu em 11 de dezembro de 1975.

Fonte

  • História de Mogi das Cruzes – Isaac Grinberg – 1961
  • Os maiores personagens da História de Mogi das Cruzes – Regis de Toledo 2003

Comente abaixo