A Semana



Alunos da UMC exploram técnicas para fabricar tijolos com materiais reciclados

Afinal o que são resíduos? A resposta é simples: são partes que sobram de processos derivados da atividade humana e animal, ou seja, toda matéria orgânica, lixo doméstico, efluentes industriais e até mesmo os gases liberados em processos industriais ou por motores, são considerados resíduos.

Na UMC, alunos do 9º período do curso de Arquitetura e Urbanismo propuseram uma série de protótipos, feitos com materiais reciclados, que podem ser aproveitados não só em projetos de arquitetura, mas também na engenharia e na construção civil.

A professora e mestre Eliane Parisi, que coordenou a ‘Reciclagem e Materiais Alternativos’ revela que reaproveitar os resíduos através de materiais alternativos para a construção civil é uma tendencia mundial. “É preciso dar vida nova para resíduos vindos de reformas, construções novas e demolições”, explica a professora.

Sobre os protótipos

A professora Eliane Parisi e alunos propuseram modelos que podem vir a ser aplicados na construção civil. “Criamos modelos que vão desde telhas ecológicas, argamassas, blocos e tijolos. Usamos bases plásticas, borracha de pneus, fibra de coco, bagaço de cana de açúcar e o isopor”, afirma a professora.

Os modelos preliminares apresentados foram executados pelos alunos, utilizando materiais reciclados para prova de conceito e experimentação da viabilidade da ideia proposta a partir da combinação de materiais conhecidos como resíduos, pois seriam facilmente descarados.

“Esses materiais possuem importante potencial quando são reciclados e incorporados a novos produtos. Nosso experimento tem como base a investigação em trabalhos científicos e traz também informações que vem da tradição de técnicas construtivas artesanais”, finaliza a professora.

Comente abaixo