A Semana



NGK supera 2,5 bilhões de velas produzidas no Brasil

A NGK, multinacional japonesa fabricante e especialista em velas de ignição, alcançou uma nova marca histórica no Brasil. A companhia acaba de superar o patamar de 2,5 bilhões de velas de ignição produzidas em sua fábrica localizada em Mogi das Cruzes. Mensalmente, milhões de peças saem de suas linhas de produção para abastecer os mercados brasileiro e sul-americano, além de países como México, Estados Unidos, França, Japão e Indonésia.
“Atingir a expressiva marca de 2,5 bilhões de velas de ignição fabricadas em Mogi das Cruzes representa uma grande conquista para a NGK do Brasil. Essa realização é reflexo do reconhecimento obtido tanto do mercado original como do aftermarket em relação à elevada qualidade dos produtos brasileiros, que seguem o mesmo padrão de qualidade entregue pela nossa matriz no Japão”, afirma Ishii Shuei, diretor corporativo da NGK.
Para produzir cada vela de ignição, a NGK do Brasil emprega cerca de 150 processos tecnológicos de manufatura, intercalados por várias checagens eletrônicas e visuais que garantem a excelência na qualidade dos produtos.

Modernização

Anualmente, a empresa investe na modernização de suas instalações para manter a liderança no mercado e ampliar a sua capacidade produtiva. Com 75,5 mil m² de área construída, a filial brasileira abriga um dos seis centros tecnológicos da companhia no mundo, onde desenvolve produtos com alto nível de tecnologia embarcada em atenção às transformações que acontecem no mundo.

A NGK do Brasil é líder no mercado de reposição e uma das principais fornecedoras de componentes originais de sistema de ignição, com diversas premiações no quesito qualidade. Em mais de 60 anos de operação no Brasil, a companhia produziu mais de 2,5 bilhões de velas e mais de 310 milhões de cabos de ignição, além de comercializar bobinas de ignição e velas aquecedoras sob a marca NGK e sensores de oxigênio sob a marca NTK.

Comente abaixo