A Semana



A Bandeira de Mogi das Cruzes

Criada em 1956 pelo então estudante Domingos Geraldo Sica, a bandeira de Mogi das Cruzes foi instituída e o?cializada pela Lei Municipal nº 804 em 29 de novembro de 1956.

Características:

Nossa bandeira possui três faixas horizontais, nas cores da bandeira do Estado de São Paulo. As faixas preta (em cima) e vermelha (embaixo) têm, cada uma, 1/4 do total e a branca, localizada ao centro, tem 2/4, representando os ideais paci?stas e progressistas do município. No canto esquerdo, localiza-se um triângulo de lados iguais com o vértice voltado para a direita e na cor azul, representando o céu. Em cada um dos ângulos, existe uma estrela dourada.

A primeira representa a passagem de famosos bandeirantes por Mogi das Cruzes. A segunda é em homenagem à passagem de D. Pedro I pelo município antes da proclamação da Independência e a terceira estrela simboliza a epopeia paulista em 1932, durante a Revolução Constitucionalista, onde tombaram ilustres mogianos.

Ainda sobre este triângulo, há à direita o brasão de armas da cidade e à esquerda uma cobra fumando, lembrança da participação dos mogianos na Força Expedicionária Brasileira, na 2ª Guerra Mundial, em que Mogi das Cruzes foi a cidade que, proporcionalmente, mais pracinhas enviou em todo o Brasil.

Como tudo começou:

A Câmara Municipal de Mogi das Cruzes buscava uma bandeira para representar a cidade que já tinha 396 sem uma bandeira .Então, o vereador Afrodízio Witzel, procurou o Prf. Dr. Paulo Lopes da Silva, catedrático de história do Instituto de Educação Washington Luiz e especialista em heráldica. O professor então elaborou e orientou os trabalhos entre os alunos do ciclo colegial. De acordo com o regulamento, cada trabalho deveria contemplar fatos importantes da história de Mogi das Cruzes.

Foram apresentados 150 trabalhos e após análise da comissão julgadora composta por profissionais de diversas áreas, foi escolhido o trabalho do jovem Domingos Geraldo Sica por ser o que melhor atendeu as especificações determinadas.

No dia Primeiro de Setembro de 1956, Domingos Geraldo Sica desfilou acompanhado de seus amigos empunhando o primeiro pavilhão de Mogi das Cruzes, criado por ele, confeccionado por suas amigas e já oficializado pelo então prefeito Henrique Pires.

Hoje o Prof. Dr. Domingos Geraldo Sica, que recebeu o título de cidadão mogiano em 19 de novembro de 1987 pela Câmara Municipal, é um brilhante cirurgião dentista, professor universitário e pesquisador.


Fontes:

Pesquisas na Internet, site da prefeitura de Mogi das Cruzes

Livros: Retrato de Mogi das Cruzes – Isaac Grinberg – 1974

Comente abaixo