Vendas de produtos de Páscoa crescem 8% em Mogi e Região

Publicado em 12 16:58:12/04/2013

     

Comerciantes estimavam aumento de 5%, diz Sincomércio

[caption id="attachment_7601" align="aligncenter" width="600"] Na Alumifran, movimento que antecedeu a data superou expectativas[/caption] As vendas de Páscoa superaram as expectativas de empresários ecomerciantes do Alto Tietê. Um levantamento realizado pelo Sincomércio (Sindicato do Comércio Varejista) de Mogi e Região aponta um aumento médio de 8% nas vendas de produtos típicos da data em relação ao mesmo período do ano passado, superando, com isso, as expectativas dos comerciantes que, inicialmente estimavam faturamento em torno de 5%, no caso de

supermercados, e estagnação, no caso de comércios de embalagens.Para este último segmento, inclusive, a surpresa foi ainda maior: entre 6 e 8%, de aumento no faturamento de Páscoa. De acordo com Luiz Claudio França, dono da loja Alumifran, houve um surpreendente aumento nominal de vendas. “Em todos os anos em que a data da Páscoa cai em março, historicamente as vendas são fracas, mas neste ano, foi completamente diferente, bem acima das expectativas”, comemora. O comerciante atribui o bom faturamento aos preços dos ovos industrializados. “Neste ano, observamos que muitos consumidores recorreram a alternativas mais baratas para manter a tradição de presentear com chocolate. Muitos decidiram comprar os produtos descartáveis para produzir e ganhar um dinheiro extra, ou mesmo fazer o próprio ovo. Diante disso, a maioria das lojas do setor de embalagens acabou tendo o aumento de vendas”, explana Luiz Claudio.

Surpermercados

Nas principais redes de supermercados do Alto Tietê, a Páscoa também foi muito lucrativa. Segundo a Associação Paulista de Supermercados (APAS), as vendas aumentaram 8,10% em relação ao mesmo período de 2012. Os produtos com maior destaque nas vendas foram os ovos de Páscoa e o bacalhau. “No caso dos ovos, os consumidores elevaram seu consumo diante do maior número de promoções e também na oferta de itens, com maior mix de produtos, como é o caso dos Ovos de Páscoa trufados, por exemplo”, explicou Fernando Shibata, diretor regional da APAS. Segundo ele, as vendas de peixes, em especial o bacalhau, também foram acima da expectativa, já que o preço do produto estava menor em relação a 2012. A estimativa da APAS era de aumento de 7% nas vendas dois tipos de produtos, em relação ao ano passado. “A Páscoa é a segunda melhor data para o setor supermercadista, ficando atrás somente do Natal, portanto, é um momento em que o desempenho positivo das vendas se faz necessário e, neste ano os resultados foram satisfatórios”, concluiu Shibata.






Telefone: 11 4798.8444
Celular: 11 9 3802.6290

© 2020 Copyright - Todos os direitos reservados