Vacina será aplicada de casa em casa

Publicado em 16 06:25:15/02/2018

     

A Secretaria Municipal de Saúde iniciou na quinta-feira (15) a vacinação cautelar contra febre amarela na região do Caputera, próximo à mata onde foi encontrado um sagui morto na última terça-feira (13). O animal passou por necrópsia e o material para análise já foi encaminhado para o Instituto Adolfo Lutz, em São Paulo. Como medida preventiva, as equipes técnicas da Secretaria Municipal de Saúde iniciaram a vacinação casa a casa e a orientação dos moradores em toda a região periurbana vizinha à mata. O trabalho está sendo iniciado pelo Conjunto Bertioguinha e Vila da Prata e deverá se estender, na próxima semana, para Vila Rei, Jardim Nathalie, parte do Conjunto Bovolenta e da Vila Pomar. “Apesar de ser apenas uma suspeita, o bloqueio vacinal é indicado para proteção da população. Estamos iniciando a vacinação casa a casa, mas quem puder também pode e deve se dirigir a uma unidade de saúde mais próxima para receber a vacina”, explica o secretário municipal de Saúde, Téo Cusatis. A partir de segunda-feira (19), uma nova estratégia será adotada, com o rodízio de unidades básicas de saúde, para evitar o desperdício de doses em função da procura reduzida nos últimos dias. Até esta sexta (16), as doses ainda estarão disponíveis em todas as unidades. A expectativa é imunizar cerca de 60 mil mogianos nas próximas semanas. A cidade ainda aguarda novas remessas para que toda a população possa ser vacinada. Vale ressaltar que a dose fracionada é feita com a mesma composição da dose padrão e, mesmo aplicada em volume menor, confere a mesma proteção da dose padrão.






Telefone: 11 4798.8444
Celular: 11 9 3802.6290

© 2020 Copyright - Todos os direitos reservados