Ministério amplia acesso a tratamentos para deixar de fumar

Publicado em 12 06:16:07/04/2013

     

[caption id="attachment_7511" align="aligncenter" width="600"] Segundo o órgão, 14,8% dos brasileiros acima de 18 anos fumam.[/caption] O Ministério da Saúde vai ampliar o acesso de pessoas tabagistas ao tratamento contra o fumo. A medida permite aumentar em até 10 vezes o número de unidades e serviços do Sistema Único de Saúde (SUS) que oferecem tratamento aos fumantes. A inscrição dessas unidades para o serviço já começa este mês. Atualmente, três mil unidades e serviços do SUS oferecem o tratamento, que inclui apoio psicológico e medicamentos, atendimentos educativos e terapêuticos, além de prevenção. Pelas novas regras, a habilitação de serviços ocorrerá por meio do Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade (PMAQ), do Ministério da Saúde, que já atinge 30 mil unidades em 5,1 mil municípios do País. Todas elas poderão optar por oferecer o serviço. Em 2012, o ministério gastou R$ 12 milhões no tratamento a fumantes. Este ano, será este valor só na primeira parte do programa, referente aos medicamentos. Mas a projeção do ministro é de que o valor possa chegar a R$ 60 milhões, conforme for transcorrendo a adesão das unidades de saúde. De acordo com a pesquisa Vigitel 2011, do Ministério da Saúde, 14,8% dos brasileiros acima de 18 anos fumam. Já a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio (PNAD 2008) apontou que 14,7% dos fumantes – cerca de 2,3 milhões de pessoas – desejam parar de fumar nos próximos 12 meses. Estima-se que o tabagismo mata 200 mil pessoas a cada ano no país.






Telefone: 11 4798.8444
Celular: 11 9 3802.6290

© 2020 Copyright - Todos os direitos reservados