Escolha de sofá deve ser bem planejada

Publicado em 05 09:22:10/04/2013

     

Tamanho e tecido devem ser levados em conta

[caption id="attachment_7035" align="aligncenter" width="600"] O modelo de sofá deve se adequar ao tamanho do cômodo e ao estilo da família[/caption]

A decoração de uma casa pode levar tempo e exige, além de criatividade, um pouco de paciência. Escolher cada móvel pode parecer simples, mas muitas vezes acaba se tornando um pouco complicado. A cortina não combina com o tapete, que por sua vez não combina com o sofá, que se adequou com a cor da estante.

O sofá, às vezes, pode ser deixado de lado, mas há que ter em mente se ele está no tamanho adequado para o cômodo ou se suas características estão de acordo com o que o estilo de vida da família.

A decoradora e arquiteta Marina Alcoba destaca que as medidas do sofá são muito importantes, pois ele costuma ser a maior peça da sala de estar. Logo, um comprimento maior do que o correto pode atrapalhar a circulação de pessoas pelo cômodo. “Também temos que estar atentos à altura, um sofá muito alto pode ser “pesado” visualmente”, aconselha Marina.

Segundo a arquiteta, muitos dos modelos possuem grandes profundidades, entre um e 1,2 metros, o que os tornam bem confortáveis, sendo uma boa opção para salas de TV ou descanso. “Alguns possuem assento extensível, transformando o sofá em uma chaise longue”, conta, lembrando ainda que um sofá deste tipo necessita de ambiente de medidas generosas. “À profundidade do sofá, precisamos somar a sua possível extensão e mais a circulação necessária entre ele e o móvel à sua frente”, exemplifica.

Os modelos mais retos e menos volumosos deixam o ambiente visivelmente mais limpo. O que nunca se pode esquecer é testar o conforto do móvel, sua densidade (dureza da espuma), altura do assento e do encosto, que, associados ao tecido de revestimento, contribuem para o conforto.

[box_light]O tecido certo[/box_light]

Quanto aos tecidos, deve-se tomar cuidado com os couros ou courinos, que, embora sejam muito práticos na limpeza, são impermeáveis, portanto desconfortáveis no calor. “Tecidos mais maleáveis e com porcentagem de fibras naturais são mais indicados. Aposte em linhos e camurças sintéticas mais agradáveis ao toque”, sugere Marina.






Telefone: 11 4798.8444
Celular: 11 9 3802.6290

© 2021 Copyright - Todos os direitos reservados