Atividade física e alimentação saudável garantem qualidade de vida

Publicado em 05 09:42:32/04/2013

     

Especialistas afirmam que junção de fatores é essencial para a saúde

[caption id="attachment_7048" align="aligncenter" width="600"] Marina Cordeiro sugere uma alimentação variada e funcional para ingestão de mais nutrientes[/caption]

 A busca por uma vida saudável é constante em nossa sociedade e, para isso, os fatores mais importantes para alinhar-se a este objetivo são a alimentação saudável e a prática de atividades físicas. O professor de Educação Física da academia Runner, Nelson Guaranha, conta que os exercícios físicos são fundamentais para a qualidade de vida. “A atividade física previne doenças como hipertensão, diabetes, doenças cardíacas e oriundas do sedentarismo. Além disso, a prática é eficaz no tratamento à síndrome do pânico e depressão e diminui a taxa de colesterol e triglicérides, dentre inúmeros outros benefícios”, declara Guaranha, que sugere a prática no mínimo duas vezes por semana durante uma hora. Para uma pessoa sedentária a dica é começar aos poucos: “A pessoa deve começar fazendo poucas vezes por semana e geralmente em uma atividade que seja prazerosa. É bom que ela experimente várias modalidades até se identificar com uma e pegar o gosto.

[caption id="" align="alignleft" width="300"] Nelson Guaranha incentiva a prática de exercícios pelo menos duas vezes por semana[/caption]
A nutricionista da Clínica São Lucas, Márcia Flora Cordeiro, lembra ainda que o alimento é o combustível do nosso corpo e, portanto, devemos sempre estar atentos ao que ingerimos. “Muitas vezes não sabemos a procedência do alimento ou não lemos os rótulos dos produtos e esta é uma prática fundamental na hora da compra. Devemos evitar alimentos industrializados e processados e buscar o máximo de nutrientes possíveis para garantir um equilíbrio entre todas as funções de nosso corpo como a parte emocional, imunológica, estrutural, hormonal e cognitiva”, explica Márcia, que sugere uma quebra de padrão em nossa alimentação: “Café com leite e pão com manteiga ou arroz e feijão não suprem todas as nossas necessidades. É preciso quebrar este ritmo e ingerir alimentos funcionais, que nos dão mais proteção e os antioxidantes, por exemplo. Sempre variar a alimentação é o ideal, desta forma, a chance de acertar é maior”, indica a nutricionista que revela que mais de 800 milhões de pessoas no mundo vivem situação de insegurança alimentar, ou seja, não têm acesso a alimentos saudáveis e quantidade suficiente de modo permanente. Com uma alimentação equilibrada é possível diminuir os sintomas da TPM, menopausa, enxaqueca, evitar alguns tipos de doenças oculares como a catarata, tipos de câncer, além de influenciar na hiperatividade e diminuir as chances de esterilidade. [box_light]Onde encontrar os principais nutrientes Fibra: Farinha integral, cereais integrais, aveia, leguminosas; Cálcio e Vitamina D: Leite e derivados, vegetais verde-escuro; Ômega 6 e ômega 3: óleo de peixe, óleo de sementes (gergelim, linhaça); Vitamina A- peixe, salmão, frutas cítricas, frutas e legumes de cor alaranjada[/box_light]  






Telefone: 11 4798.8444
Celular: 11 9 3802.6290

© 2020 Copyright - Todos os direitos reservados