Perda auditiva também afeta os mais jovens

Publicado em 23/07/2021

     

Desengane-se se você pensa que problemas de audição são problemas da população mais idosa. Um estudo da Organização Mundial de Saúde (OMS) estima que mais de um bilhão de pessoas, com idade entre 12 e 35 anos, já possuem algum grau de perda auditiva. Isso significa que um em cada cinco jovens convivem com o problema — um crescimento de 30% nos últimos 20 anos.

Mas o que está causando essa situação? De acordo com a fonoaudióloga Dra Aline Santiago, responsável técnica da Ouvir + Aparelhos Auditivos, com duas clinicas em Mogi, o próprio estilo de vida pode prejudicar a audição. “A exposição constante ao ruído, o uso excessivo de fones de ouvido com som muito alto e ambientes barulhentos são as principais causas”, explica a especialista, que alerta também para o uso de medicamentos sem prescrição médica.

Aline fala ainda dos sintomas que indicam que algo não vai bem com a audição. “Quando a pessoa tem dificuldade em ouvir aparelhos eletrônicos e precisa aumentar o som, não compreende o que as pessoas falam, sente dor ou escuta um zumbido diversas vezes ao dia, é sinal de que é preciso fazer um teste auditivo”, diz a fonoaudióloga. Neste caso, é preciso procurar atendimento médico para avaliação da perda auditiva e para iniciar o tratamento adequado. E, quanto mais cedo isso for feito, melhor. “Há perdas reversíveis, mas em muitos casos, o uso do aparelho é o mais recomendado. Vale lembrar que a perda auditiva pode ter consequências irreversíveis, como isolamento ou depressão. Além disso, a falta de estímulos no cérebro, causada pelos problemas auditivos, pode trazer demência e outras doenças cognitivas”, avisa.

Na Ouvir Mais, os testes de audição são completos e podem ser realizados por qualquer pessoa. São realizados diversos procedimentos, como audiometria e otoscopia, para afastar possibilidades de infecção ou danos nos tímpanos. Em alguns casos, o paciente é encaminhado para um médico otorrinolaringologista. “Agora quando o problema é resolvido com aparelho, o tratamento é elaborado e o aparelho auditivo apropriado é oferecido ao paciente, de maneira adequada, exclusiva e personalizada”, esclarece Aline. A Ouvir Mais é distribuidora oficial da Starkey, conhecida pelos seus aparelhos altamente tecnológicos. São equipamentos discretos, práticos, recarregáveis e que oferecem tecnologia de última geração, com conexão ao celular, tradutor de idiomas simultâneo, monitoramento e detector de quedas. “Os aparelhos modernos são feitos para resgatar não só a saúde do paciente mas também para proporcionar bem-estar e qualidade de vida”, reforça.

 

Ouvir Mais Aparelhos Auditivos

Pc. Norival Gonçalves Tavares, 281 - Prq. Monte Líbano

Tel: 2378-3191

Rua Dr. Ricardo Vilela, 321 – Centro

Tel: 2312-7774






Telefone: 11 4798.8444
Celular: 11 9 9850.4458

© 2021 Copyright - Todos os direitos reservados