Estado de SP recua e Fase de Transição é prorrogada até 14 de junho

Publicado em 26/05/2021

     

O governador João Doria acaba de anunciar que a Fase de Transição em todo o Estado de São Paulo, programada até o final do mês, será prorrogada até 14 de junho.

Na semana passada, o Estado havia anunciado novas flexibilizações a partir do dia 1º, mas, com o aumento de casos, essa nova fase não deverá acontecer. Assim, até o dia 14, os estabelecimentos poderão funcionar até 21h, com ocupação máxima de 40% da capacidade máxima.

Permanecem liberadas as celebrações individuais e coletivas em igrejas, templos e espaços religiosos, desde que seguidos rigorosamente todos os protocolos de higiene e distanciamento social.

O toque de recolher continua nas 645 cidades do Estado, das 21h às 5h, assim como a recomendação de teletrabalho para atividades administrativas não essenciais e escalonamento de horários para entrada e saída de trabalhadores do comércio, serviços e indústrias. 

“Avaliamos nesta semana de que não seria ainda o momento de poder avançar como havia sido pensado na semana anterior, então hoje temos a extensão desta fase para continuarmos caminhando dessa forma. Continuamos tendo uma circulação alta do vírus, com novos casos, então devemos manter todas as medidas de segurança, com a taxa de ocupação dos estabelecimentos em 40%, uso de máscara constante e o distanciamento”, avaliou o Coordenador do Centro de Contingência do coronavírus, Paulo Menezes. 

Nesta quarta-feira, a taxa de ocupação de UTIs por pacientes graves com COVID-19 está em 80,6% no Estado e em 77,6% na Grande São Paulo. O total de internados em UTIs era de 10.545 em todo o Estado, com outros 12.554 pacientes em vagas de enfermaria.

 






Telefone: 11 4798.8444
Celular: 11 9 9850.4458

© 2021 Copyright - Todos os direitos reservados