Primeira etapa de vacinação contra febre aftosa termina em 31 de maio

Publicado em 26/05/2020

     

A primeira etapa da Campanha de Erradicação da Febre Aftosa no Estado de São Paulo termina no dia 31 de maio. Devem ser vacinados os bovídeos, que são os bovinos e bubalinos (búfalos), de todas as idades. A expectativa do governo paulista é de que sejam imunizados 10,5 milhões de animais. O prazo de entrega da declaração da vacinação vai até o dia 1º de julho.

“Esta campanha de vacinação é importante nos nossos rebanhos para manter a sanidade, tanto no rebanho leiteiro quanto no de corte. Mogi das Cruzes não é tão forte nessas cadeias de produção, mas é relevante para que tenhamos animais com boa saúde e produtos de boa qualidade, mantendo alicerces mercadológicos”, afirma o secretário municipal de Agricultura, Renato Abdo.

“A sanidade animal é obrigatória. Se algum caso de febre aftosa for detectado no País, coloca em risco todo fluxo comercial da carne brasileira, tanto no mercado interno, quanto para exportação. Por isso, é fundamental que vacinem os rebanhos, mantendo a sanidade do animal individualmente, e também da propriedade, garantindo os caminhos comerciais de nossos produtos”, completa.

De acordo com informações da Secretaria Estadual de Agricultura e Abastecimento, a primeira providência para os criadores é adquirir as vacinas em estabelecimentos cadastrados na Coordenadoria de Defesa Agropecuária, já que todo estoque de vacina disponível no Estado para comércio durante a etapa da campanha é cadastrado pela revenda no sistema informatizado Gestão de Defesa Animal e Vegetal (Gedave).

No momento da compra, o volume de vacina adquirido pelo criador é transferido, por meio do sistema, para o estoque da propriedade, o que facilita a declaração da vacinação. Ainda segundo a secretaria, a legislação proíbe o uso de vacinas adquiridas em etapas de vacinações anteriores.

A vacina não pode ser congelada, mas mantida entre 2 e 8 graus Celsius, tanto no transporte como no armazenamento, usando caixa de isopor com dois terços de seu volume em gelo.

Para realizar a vacinação, a orientação dos especialistas é escolher o horário mais fresco do dia, classificando os animais por idade e sexo, para evitar acidentes.

A Secretaria Estadual de Agricultura informa ainda que é preciso utilizar seringas e agulhas novas e higienizadas, sem uso de produtos químicos (nem álcool, nem cloro).

A vacinação é obrigatória. Deixar de vacinar e de comunicar a vacinação são atitudes sujeitas a multas de 5 Unidades Fiscais do Estado de São Paulo (Ufesps), o que dá R$ 138,05 por cabeça por deixar de vacinar, e 3 Ufesps (R$ 82,83 reais) por cabeça por deixar de comunicar. O valor de cada Ufesp é R$ 27,61.

As vacinas contra a febre aftosa são produzidas no Brasil e testadas pelos Laboratórios Nacionais Agropecuários (Lanagros), que são os laboratórios oficiais do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (Mapa).

Para acessar o sistema da Gestão de Defesa Animal e Vegetal (Gedave), clique aqui:
https://gedave.defesaagropecuaria.sp.gov.br/

Caso o email do produtor não tenha sido cadastrado, será necessário imprimir o REQUERIMENTO DE ACESSO, preenchê-lo com um email válido (do produtor ou de amigo/parente/veterinário), assinar e escanear, juntamente com documento pessoal (RG/CPF) e encaminhar para os e-mails: giancarlo@cda.sp.gov.br; cadsantos@cda.sp.gov.br; clovis.santos@cda.sp.gov.br; lucia.oliveira@cda.sp.gov.br; para que se faça a atualização e o interessado receba sua nova senha no email informado.


Entrega da Declaração de Vacina

Devido à pandemia de Covid-19 e ao decreto da quarentena no Estado de São Paulo, os Escritórios de Defesa Agropecuária (EDA) não estão recebendo, por enquanto, a Declaração de Vacina contra a febre aftosa de maio de 2020. Na região do Alto Tietê, o recebimento é feito nos seguintes endereços: 

Mogi das Cruzes
Mogivet
Avenida Vereador Narciso Yague Guimarães, 716
Telefone: 4799-2269

Nutrimogiano
Rua José Maria Albuquerque Freitas, 121
Telefone: 4790-2766

Rações Cesar de Souza
Avenida Ricieri José Marcatto, 1.022
Telefone: 4792-5225

 

Guararema
Três Mosqueteiros
Rua Dona Laurinda, 675
Telefone: 4693-1734

Casa do Fazendeiro
Rua Coronel Ramalho, 129
Telefone: 4693-4852

 

Salesópolis
Agendar com a Zoonoses do município pelo telefone 4696-3017

 

Santa Isabel
Rações Barbosa
Avenida República, 704
Telefone: 4656-2745






Telefone: 11 4798.8444
Celular: 11 9 3802.6290

© 2020 Copyright - Todos os direitos reservados