Máscaras seguem obrigatórias em Mogi até 15 de janeiro

Publicado em 26/11/2021

     

O governador João Doria anunciou, nesta quarta-feira (24), a flexibilização do uso de máscaras no estado de São Paulo em áreas abertas. A medida, que começa a valer a partir do dia 11 de dezembro, está amparada em orientação do Comitê Científico do Estado e em dados positivos de avanço da vacinação e do cenário epidemiológico. Nas áreas internas e nas áreas de transporte público, inclusive nas estações, mesmo que a céu aberto, o uso de máscara continuará sendo obrigatório

Em Mogi, o prefeito Caio Cunha anunciou nas redes sociais que não deverá seguir a mesma data estipulada pelo Estado. “É hora de sermos responsáveis. Por isso, o uso de máscaras continua sendo obrigatório em Mogi, em todos os locais, até 15 de janeiro. Não podemos relaxar na época mais movimentada do ano”, disse o prefeito. Caio acrescentou que, após essa data, a situação será reavaliada pela prefeitura.

A cidade tem atualmente 345.620 pessoas vacinadas com a primeira dose, 308.465 com o esquema vacinal completo e 10.185 com a dose única. A dose de reforço foi aplicada em 37.700 pessoas, de acordo com os dados do executivo municipal. 

No entanto, o número de pessoas com a segunda e terceira doses em atraso preocupa. Mogi das Cruzes tem cerca de 30 mil pessoas com a segunda dose em atraso e mais de 14 mil pessoas que já podem receber a terceira dose ou dose de reforço contra a Covid-19. Há vagas disponíveis para todas as situações, nos períodos diurno e noturno, bastando que o munícipe realize o agendamento online pelo www.cliquevacina.com.br. Desde a semana passada, a terceira dose está liberada para todos adultos acima de 18 anos, bastando acompanhar o prazo de cinco meses após a aplicação da segunda dose. 

 

Decreto estadual

O novo decreto que tratará da flexibilização do uso de máscaras deve ser editado e publicado no Diário Oficial do Estado nas próximas semanas. Um ponto analisado pelos especialistas para a tomada de decisão foi o impacto de 100% da capacidade de público em eventos culturais, esportivos e de lazer que está vigente em SP desde o dia 1º de novembro. As análises não identificaram aumento no cenário epidemiológico nos últimos 20 dias, demonstrando que a vacinação e as medidas de proteção mantiveram o controle da pandemia.






Telefone: 11 4798.8444
Celular: 11 9 9850.4458

© 2021 Copyright - Todos os direitos reservados