Tenente Clóvis Pavan celebra 100 anos no dia 13

Publicado em 10/10/2021

     

O Tenente-Brigadeiro do Ar Clóvis Pavan celebra 100 anos de vida no próximo dia 13. O ex-militar criou uma relação de proximidade com a cidade. Ele morou em Mogi na infância, na época que o seu pai, Henrique Pavan, instalou uma das primeiras indústrias da cidade, uma fábrica de louças. Posteriormente, já como vice-chefe do Estado Maior da Aeronáutica, intercedeu junto ao então governador Paulo Maluf e do governo federal para a conclusão das obras da Mogi-Bertioga, o que lhe rendeu uma homenagem do Título de Cidadão Mogiano, nos anos 80. “Mogi mora no coração dele”, diz o filho, Fábio Pavan. Ele é pai também de Ana Beatriz e Marcio, já falecido. Em Mogi, ele mantém contato com o seu primo, Celso Fiorentino.

Pavan foi instrutor e comandante do Corpo de Cadetes da Escola de Aeronáutica e chefiou o Gabinete do então secretário de Estado de Viação e Obras Públicas, Brigadeiro Faria Lima. 

O tenente também comandou o GTE - Grupo de Transportes Especiais, como seu primeiro comandante em Brasília em 1961 e, a convite da RAF- Royal Air Force da Inglaterra, tornou-se o primeiro cidadão brasileiro a ultrapassar duas vezes a velocidade do som em uma aeronave BACLightning, em 1966. 

Seu currículo inclui ainda o Comando da Base Aérea de Brasília e a subchefia do Gabinete Militar da Presidência da República no final dos anos 70. Ocupou ainda os cargos de comandante do Quarto Comando Aéreo Regional, foi vice-chefe do Estado Maior da Aeronáutica e diretor-geral do então Departamento de Pesquisas e Desenvolvimento da Aeronáutica, até 1983, quando passou para a reserva.






Telefone: 11 4798.8444
Celular: 11 9 9850.4458

© 2021 Copyright - Todos os direitos reservados