Guararema recebe Circuito Sesc de Artes

Publicado em 02/04/2019

     

No dia 7 de abril (domingo), o Circuito Sesc de ARTES chega a Guararema com diversas atividades de artes visuais, circo, cinema, dança, música, teatro, literatura e tecnologias e artes. As intervenções acontecem das 16h às 21h30, no Parque de Lazer Profª Deoclésia de Almeida Mello (Praça do Centro Artesanal).

 Com uma programação que aborda várias linguagens artísticas, o Circuito Sesc de ARTES traz para as cidades artistas, grupos, coletivos e companhias de longas trajetórias.

Entre as atrações, destaque para a cantora e compositora baiana Luedji Luna, uma das expoentes da MPB, que apresenta o show Mundo, mais voltado à música eletrônica e ao rap e para o Circo Fubanguinho, da Trupe da Lona Preta, espetáculo inspirado em farsas, charangas e bufonarias, em que dois palhaços são demitidos e expulsos do picadeiro, mas tentam retornar ao circo a qualquer custo.

O Circuito tem como objetivo estimular a circulação e a difusão de trabalhos artísticos, inspirar diversos usos para os espaços públicos e ampliar as possibilidades de convivência.

 

Circuito Sesc de ARTES

Dia 7 de abril (domingo)
Das 16h às 21h30
Parque de Lazer Profª Deoclésia de Almeida Mello (Praça do Centro Artesanal) – Centro

A programação completa está na internet: sescsp.org.br/circuitosescdeartes

 

Em caso de chuva, o evento acontecerá na Escola Profissionalizante “Prefeito Sebastião Alvino de Souza” – Rua Dr. Armindo, 567 – Nogueira

 

Confira as atrações:

 

Música

Luedji Luna (BA)

A cantora e compositora baiana traz ao Circuito Sesc de Artes 2019 o show Mundo, no qual apresenta uma outra face de seu trabalho, mais voltada à música eletrônica e ao rap. São remixes e reinterpretações das músicas do álbum Um Corpo no Mundo, que colocou Luedji em evidência no cenário musical. O show conta com participação do DJ Vitonez, MC Zudzilla e as MCs Stéfanie e Dory.

 

DJ Vitonez (SP)

Fascinado pela black music desde a infância, o DJ explora ritmos e melodias que passam pelo rap, soul, funk, groove, acid-jazz e R&B. Além de DJ e produtor, ele também é colecionador de discos e teve uma loja no centro de São Paulo, que recebia discotecagens e apresentações de importantes nomes da cena rap paulistana.

 

Circo

O Circo Fubanguinho – Trupe da Lona Preta (SP)

Espetáculo inspirado em farsas, charangas e bufonarias, em que dois palhaços são demitidos e expulsos do picadeiro, mas tentam retornar ao circo a qualquer custo. A companhia, nascida em 2005, pesquisa linguagens e técnicas de palhaçaria e do teatro com intuito de atualizar elementos tradicionais e extrair o essencial do riso.

 

Diny Ilusionista (SP)

Uma das únicas ilusionistas mulheres no Brasil, Diny realiza efeitos de pequeno e grande porte, utilizando multimídia e tecnologia. Além de explorar as diferentes modalidades de mágica, ela é conhecida por seu número inexplicável de "quick change", como são conhecidas as trocas rápidas de figurino bem em frente ao público.

 

Teatro

Henriques – Cia. Vagalum Tum Tum (SP)

O príncipe Henrique é um rebelde que vive uma vida de arruaça com os amigos Falstaff e Pistola. Nem seu velho pai, o rei Henrique IV, nem o povo o consideram a altura de ser o futuro governante - mas as coisas vão ter de mudar quando ele se tornar o rei Henrique V. Fundada em 2001, a companhia pesquisa técnicas de teatro e palhaço para contar, principalmente, histórias de William Shakespeare para crianças e jovens.

 

Tecnologias e Artes

Oficina de Máscaras Low Poly – Tico Volpato (SP)

Os participantes da oficina vão aprender a confeccionar uma máscara de papel em estilo poligonal, em três dimensões, com a técnica Low Poly. O público terá alguns animais diferentes para escolher no momento de criar sua máscara. A atividade, que não exige conhecimentos especiais, pode ter participação de pessoas de todas as idades, que vão entender os conceitos de alta e baixa tecnologia.

 

Artes Visuais

Desenhando a Cidade – Eduardo Bajzek (SP)

O grupo vai orientar o público sobre a prática dos "sketchers", desenhistas urbanos que se reúnem para registrar, em traços, cores e tintas, as cenas e o cotidiano da cidade. É uma atividade cultural e social que tem ganhado destaque entre artistas amadores e profissionais. O público vai sair à praça com papel, lápis, canetas ou tintas para observar, desenhar e, depois, exibir suas criações.

 

Literatura

Universo HQ – TG3 Design e Conteúdo (SP) e Companhia EntreContos (SP)

A atividade é montada a partir de um carrinho de carga, do qual saem livros, bancos, espreguiçadeiras, tapetes e a sinalização do espaço. A praça ganha um ambiente confortável e todo destinado às histórias em quadrinhos. A mediação de leitura ficará a cargo da Companhia EntreContos.






Telefone: 11 4798.8444
Celular: 11 9 3802.6290

© 2019 Copyright - Todos os direitos reservados