Metrô, trens e ônibus de São Paulo confirmam adesão à greve do dia 14

Publicado em 11/06/2019

     

Fonte: EXAME

 

Em protesto contra a proposta da reforma da Previdência,sindicatos e centrais sindicais de todo o Brasil estão convocando a população para uma greve geral a partir da 0 hora da próxima sexta-feira (14) com duração prevista de 24 horas.

Trabalhadores do sistema público de transporte urbano de São Paulo confirmaram a adesão à paralisação. A Central Única dos Trabalhadores (CUT) reforçou em plenária, na noite de segunda-feira (10), a participação dos trabalhadores dos sistemas rodoviário, metroviário e ferroviário de Grande São Paulo, da Baixada Santista e de outras cidades do interior do estado.

O Sindicato dos Metroviários de São Paulo, que aprovou no último dia 6 a participação da categoria na greve, tem assembleia agendada para quinta-feira (13) às 18h30, para a organização do ato que acompanha a greve.

O plano do sindicato é paralisar as linhas 1-Azul, 2-Verde, 3-Vermelha e 15-Prata do Metrô de São Paulo. As linhas 4-Amarela e 5-Lilás são privadas e não está confirmado se vão parar também ou não.






Telefone: 11 4798.8444
Celular: 11 9 3802.6290

© 2019 Copyright - Todos os direitos reservados